Altice Labs na sessão “Made in Aveiro” do TechDays 2018

19/10/2018     TechDays Aveiro

« Voltar a notícias

« Anterior   /   Próxima »

imagem da notícia

Teresa Soares, da direção de Coordenação Tecnológica e Inovação da Altice Labs, participou na sessão "Made in Aveiro" do TechDays, com a presença de oito convidados de diferentes áreas do saber, todos ex-alunos da Universidade de Aveiro (UA), que partilharam com a audiência os seus projetos empresariais e de investigação científica.

Num dos painéis da tarde, moderado pelo jornalista Pedro Martins, os oradores convidados foram Mara Freire – Investigadora Coordenadora da Universidade de Aveiro, Teresa Soares – Consultora Sénior da Altice Labs, Carlos Pedro – CEO da Sondar.I e Celso Assunção – Criador de Moda (marca CELSUS). O formato da sessão passou por cada um dos oradores efetuar uma breve descrição da sua carreira, com apresentações bastantes diversificadas, seguindo-se um pequeno período de perguntas e respostas.

Durante a sua intervenção, Teresa Soares partilhou alguns momentos relevantes da sua carreira, com especial destaque para o ingresso no curso de Engenharia Eletrónica e Telecomunicações da Universidade de Aveiro, curiosamente na altura em que as instalações da UA ocupavam um dos edifícios do então Centro de Estudos de Telecomunicações (CET). Sendo o único elemento do sexo feminino no seu curso, terminou a licenciatura em 1982 e ingressou nesse mesmo ano no CET.

Com mais de 30 anos de experiência profissional, Teresa iniciou a sua carreira como especialista em comutação digital, no projeto de desenvolvimento de estações telefónicas digitais para a rede da Portugal Telecom (ETD e ELD), seguindo-se a liderança de equipas e projetos de desenvolvimento na área de Serviços e Redes Móveis, a responsabilidade pela Direção de Aplicações para a Sociedade da Informação e a participação em projetos em áreas estratégicas com ênfase na eficiência e eficácia organizacionais.

Sem nunca ter mudado de empresa e sempre na mesma cidade, teve o privilégio de acompanhar a evolução do CET a PT Inovação e, posteriormente, Altice Labs, adequando-se aos diferentes desafios colocados no seu percurso, com o mesmo empenho e dedicação, exemplo que tentou transmitir à audiência durante o "Made In Aveiro".

« Voltar a notícias

« Anterior   /   Próxima »