90º Tech Day: “VR, AR and Mixed Reality - Supporting Technology and Business Applications”

27/07/2017     Tech Days

« VOLTAR A NOTÍCIAS

« ANTERIOR   /   PRÓXIMA »

imagem da notícia

"VR, AR and Mixed Reality - Supporting Technology and Business Applications" foi a temática do 90º Tech Day, realizado em parceria com a Universidade de Trás-os-Montes-e-Alto-Douro (UTAD) no passado dia 19 de julho, nas instalações da Altice Labs, em Aveiro.

O keynote, assegurado por Leonel Morgado, da Universidade Aberta, apresentou não só a evolução histórica da realidade virtual e realidade aumentada (RV/RA), como esclareceu as diferentes perspetivas e necessidades que assegurarão a evolução destas temáticas, evolução essa que se espera que, entre outras melhorias, traga dispositivos cada vez menos intrusivos e adequados à interação natural.

De modo a ilustrar a forma como a investigação à volta da RV tem vindo a ser feita, Maximino Bessa, da UTAD, foi o orador seguinte, cabendo-lhe a apresentação do MASSIVE, um laboratório de realidade virtual multissensorial do INESC TEC localizado em Vila Real e por si coordenado, cujas valências foram amplamente explicadas, nomeadamente através de alguns projetos e atividades em curso.

As apresentações seguintes, focadas em casos práticos, trouxeram à sessão a visão de negócio e as novas oportunidades de utilização prática e comercial destas tecnologias. Luís Agrellos, da Gema Digital, e Herlander Santos, da Altice Labs, apresentaram e demonstraram o MEO Go VR, a nova aplicação do MEO que transporta os utilizadores para uma sala de estar MEO tecnologicamente avançada onde este poderá visualizar os seus canais favoritos num ecrã gigante assim como os melhores vídeos 360º dos canais SIC, FTV, SyFy, Clubbing TV e História, numa experiência totalmente imersiva. Durante esta apresentação houve ainda oportunidade, por parte da audiência, de experimentar esta aplicação. Por fim, Rui Guedes, da Ground Control Studios, mostrou aquilo que a Startup tem vindo a fazer nesta área e no crescimento forte que soluções de RV/RA têm sentido.

Terminados os momentos expositivos, seguiu-seum painel de discussão moderado por Hugo Paredes, da UTAD. Durante o debate, que contou com animada participação da plateia, ficou claro que estas áreas tecnológicas estão a evoluir a ritmo acelerado e as oportunidades de negócio são muitas, com as estimativas dos especialistas a apontar para valores acima de 100 mil milhões de euros para os próximos 4 anos. Foram endereçados alguns casos concretos, que demonstraram principalmente o potencial de ganhos em domínios profissionais através do recurso a RA e a importância da RV na obtenção de engagement de clientes. Foi ainda realçada a oportunidade e a importância da colaboração entre a Academia e a Indústria.

« VOLTAR A NOTÍCIAS

« ANTERIOR   /   PRÓXIMA »